sexta-feira, 18 de abril de 2014

A HISTÓRIA DA PÁSCOA


Uma nova vida se inicia a cada Páscoa que temos  a oportunidade de viver. Mudar...só depende de cada um de nós...

FELIZ PÁSCOA

sexta-feira, 11 de abril de 2014

MEC EDUCAÇÃO ESPECIAL


A VERDADEIRA HISTÓRIA DOS TRÊS PORQUINHOS

A DESCOBERTA DA JOANINHA

A VACA MIMOSA

O HOMEM QUE AMAVA CAIXAS

AS CORES DAS FLORES


Aprender é um direito de todos!


Atividades e Jogos de Matemática On-line:

Sala Informatizada : Desenvolvendo o conhecimento: Atividades e Jogos de Matemática On-line::  . ...

Trabalhando com Unidade, dezena e centena

Sala Informatizada : Desenvolvendo o conhecimento: Trabalhando com Unidade, dezena e centena: Sugestão de atividade para trabalhar com os alunos UNIDADE, DEZENA E CENTENA. Os alunos ecebem um númeral o qual deverão decompor de a...

Contar de 0 a 10

Sala Informatizada : Desenvolvendo o conhecimento: Contar de 0 a 10: Jogo de contar http://www.atividadeseducativas.com.br/index.php?id=121 RElacione o número e a quantidade http://websmed.portoalegre.rs.g...

BRINCAR COM O DINHEIRO ON LINE

Sala Informatizada : Desenvolvendo o conhecimento: BRINCAR COM O DINHEIRO ON LINE: JOGO DA MEMÓRIA DAS CÉDULAS QUEBRA-CABEÇA TORRES DE HANÓI

MUSEU VIRTUAL BANCO CENTRAL

Sala Informatizada : Desenvolvendo o conhecimento: MUSEU VIRTUAL BANCO CENTRAL: VOCÊ TEM A POSSIBILIDADE DE CONHECER O BANCO CENTRAL DO BRASIL ATRAVÉS DO MUSEU VIRTUAL:

ORIENTAÇÃO ESPACIAL

Sala Informatizada : Desenvolvendo o conhecimento: ORIENTAÇÃO ESPACIAL: Neste jogo, seus alunos vão colocar em prática conhecimentos geométricos de orientação espacial. Para ajudar o personagem a cumprir os tra...

REFORÇO DIGITAL - PORTUGUÊS E MATEMÁTICA

Sala Informatizada : Desenvolvendo o conhecimento: REFORÇO DIGITAL - PORTUGUÊS E MATEMÁTICA: Site construído pela Prefeitura do Rio de Janeiro. LIVRE ACESSO http://www0.rio.rj.gov.br/sme/reforcoescolar/ APROVEITEM PROFESSORES ...

PARQUINHO DA MATEMÁTICA

Sala Informatizada : Desenvolvendo o conhecimento: PARQUINHO DA MATEMÁTICA: Descobri este site hoje na Internet e percebi várias possibilidades para se trabalhar com operações matemáticas. Além da adição, podemos tr...

Aprendendo FRAÇÕES

Sala Informatizada : Desenvolvendo o conhecimento: Aprendendo FRAÇÕES: Atividade para os alunos relacionarem o desenho a fração correta. http://www.estudamos.com.br/fracao/exercicios_com_fracoes_1.php ...

Atividades de matemática para alfabetização

Sala Informatizada : Desenvolvendo o conhecimento: Atividades de matemática para alfabetização: Algumas atividades matemáticas para trabalhar números de 0 a 10. Ajude o palhaço Paçoca a contar os números Ordenar os números   ...

NÚMEROS DECIMAIS

Sala Informatizada : Desenvolvendo o conhecimento: NÚMEROS DECIMAIS: Neste divertido jogo criado com exclusividade para o site de NOVA ESCOLA, a criança é desafiada a descobrir os números que faltam no quadr...

MÁQUINA DO TEMPO

Sala Informatizada : Desenvolvendo o conhecimento: MÁQUINA DO TEMPO

MATERIAL DOURADO VIRTUAL

Sala Informatizada : Desenvolvendo o conhecimento: MATERIAL DOURADO VIRTUAL

JOGO NUNCA 10 VIRTUAL

Sala Informatizada : Desenvolvendo o conhecimento: JOGO NUNCA 10 VIRTUAL

Ursinho Pooh 1,2,3: Descobrindo os Números e as Contas


quinta-feira, 10 de abril de 2014

PROVINHA BRASIL

Fraiburgo já recebeu os Kits para aplicação da PROVINHA BRASIL com turmas de 2º ano do município.  Após a aplicação da Provinha brasil todos os dados serão organizados em forma de gráfico para observar o desempenho de cada turma e sugerir atividades e ações aos professores.



domingo, 30 de março de 2014

VALE A PENA CONFERIR

Modelo de Relatório Sucinto

O Coordenador Local assim como as Orientadoras de Estudos deve fazer seu relatório sucinto e encaminhar para a supervisora de Pólo. 

Modelo de Relatório Sucinto:





UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA

PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA/UFSC/SC



 RELATÓRIO SUCINTO MÊS ...................

1. Dados do Município
a) Município/GERED
b) Nome do Coordenador:
c) Número de orientadores envolvidos:

2. Síntese das atividades.
Pacto no Município (relato dos acontecimentos do pacto no seu Município ou GERED e o seu envolvimento efetivo nos encontros com alfabetizadores e visitas as salas de aulas)
Aspectos positivos – efeitos do PNAIC no trabalho do alfabetizador em sala de aula no mês em curso
Desafios a serem enfrentados




COMPOSIÇÃO DE TURMAS FECHADA

Neste final de semana a Coordenadora Local - Tatiana Carla Scalabrin concluiu o cadastramento das turmas integrantes do PNAIC 2014.

Muito estudo, muita reflexão, muito sucesso a todas nós durante o ano de 2014.

DONALD NO PAÍS DA MATEMÁTICA

Donald no País da Matemágica ("Donald in Mathmagic Land") é um curta de 27 minutos que estrela o Pato Donald, foi lançados nos EUA em 26 de junho de 1959, foi dirigido por Hamilton Luske. O filme foi disponibilizado para as várias escolas, e se tornou um dos mais populares filmes educativos já feitos pela Disney. Em 1959, foi indicado ao Óscar como Melhor Curta-documentário.
Walt Disney uma vez, fez uma explicação sobre o filme: O desenho é um bom meio para estimular o interesse. 



segunda-feira, 24 de março de 2014

PRÓXIMOS ENCONTROS

ORIENTADORA DE ESTUDOS - VERA
DIA 26 - TURNO VESPERTINO - TURMA 3º ANO

ORIENTADORA DE ESTUDOS - REGINA
DIA 28 - TURNO VESPERTINO - TURMA DO 2º ANO

ORIENTADORA DE ESTUDOS - ELIZABETE
DIA 31 - TURNO VESPERTINO - TURMA DO 1º ANO

TODOS OS ENCONTROS A PARTIR DAS 13:15 HORAS NA E. PADRE BIAGIO

Encontro PNAIC 24 de março de 2014

3- Usos e funções do número em situações do cotidiano.
Caderno 2, p. 20 a 29

4- Relações entre o sistema de escrita alfabética (SEA) e do Sistema de Numeração Decimal (SND): Algumas reflexões








































sexta-feira, 14 de março de 2014

CRONOGRAMA DE AVALIAÇÃO

A Formação durante o ano de 2014 seguirá o seguinte cronograma de avaliação:

Para agilizar os encaminhamentos do PNAIC em Santa Catarina, solicitamos que as avaliações nosispacto, durante todo o ano de 2014, sejam feitas conforme o cronograma que segue:
·  Do dia  15  a  17:  professor  alfabetizador  avalia  orientador  e  orientador  avalia  professor  alfabetizador e coordenador local;
·  Do dia 18 a 20: coordenador local avalia seus orientadores;
·  Do dia 20 a 26: avaliação dos perfis da IES;
·  Do dia 27 a 30: aprovação das avaliações pelo coordenador adjunto e coordenador IES;
·  Do dia 1 a 3: autorização de pagamento da bolsa do coordenador geral da IES.

terça-feira, 11 de março de 2014

1 º Encontro - O Lugar da Matemática no Letramento

Encontro realizado na EBM Santo Antônio 10/03/2014 - NOTURNO

Unidade 2 e 3:

Temáticas: O letramento relacionado à linguagem escrita e à linguagem matemática; A relação entre o Sistema de escrita Alfabética e à Apropriação do Sistema de Numeração Decimal; Ludicidade Jogo e Brincadeira.
1- Alfabetização Matemática
Caderno de apresentação p. 26 a 31

Jogo (blocos lógicos)

2- Papéis do brincar e do jogar na alfabetização Matemática.
Caderno de apresentação p. 56 a 70



segunda-feira, 3 de março de 2014

INSCRIÇÕES PNAIC 2014

Já estão abertas as Inscrições para o curso de Formação Continuada - PNAIC 2014

Click na imagem abaixo e preencha todas as informações .

Ao enviar, sua participação estará garantida.

Confira ao lado a programação para o 1º SEMESTRE.

Nosso primeiro encontro será dia 10 de março as 19 horas na EBM Santo Antônio.






Blog PNAIC FRAIBURGO destaque em página oficial

O BLOG do município de Fraiburgo é destaque na página pacto.mec.gov.br.

Confira alguns comentários sobre o nosso BLOG:

"Olá pessoal! Sou Daniele Furtado, acadêmica do Curso de pedagogia da Universidade Federal de Santa Maria - RS. Costumo participar como monitora do PNAIC aqui na cidade e acompanho o site do MEC. Foi assim que vi a indicação do blog de vocês e estou entrando em contato para agradecer pelo trabalho de postagens dos livros de literatura infantil pelo Slide Share, pois me ajudarão bastante agora na etapa do estágio.  Compartilhei o link do blog com outras colegas para que também possam aproveitar e acompanhar o trabalho de vocês. Acredito que esta política pública de formação contribui para os professores que estão atuando e para os que ainda estão em formação. Obrigada e aguardo novas postagens!"

"Tatiana, boa tarde!

Parabéns pelo blog e escrevo para agradecer os créditos depositados, através de suas postagens e visitas ao blog pnaic flor delis.
Sucesso para ti e muito obrigada! =D


 Náysa Taboada S. Alvarenga     
       NTE/SEMED - Guarapari
             (27) 3261-3638 
             (27) 8113-5232
         
     * naysa.taboada@gmail.com 


"Boa Noite,

Amiga, venho por meio deste solicitar um modelo de relato de experiencia de seus cursistas para que eu possa fazer o meu. Adorei seu blog.

PARABÉNS..."


Orientações resumidas sobre o PNAIC 214

O documento original e completo está disponível no seguinte endereço eletrônico:

PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA 
Documento orientador das ações de formação em 2014 

Apresentação 


O Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa é um compromisso formal assumido 
pelos governos Federal, do Distrito Federal, dos Estados e Municípios para assegurar a plena 
alfabetização de todas as crianças até os oito anos de idade, ao final do 3º ano do ensino 
fundamental. 

Para o alcance desses objetivos, as Ações do Pacto compreendem um conjunto integrado de 
programas, materiais e referências curriculares e pedagógicas, disponibilizados pelo 
Ministério da Educação, que contribuem para a alfabetização e o letramento, tendo como 
eixo principal a formação continuada dos professores alfabetizadores. Essas ações são 
complementadas por outros três eixos de atuação: materiais didáticos e pedagógicos, 
avaliações e controle social e mobilização. 

Para a Formação Continuada de Professores Alfabetizadores foram definidos conteúdos que 
contribuem, dentre outros, para o debate acerca dos direitos de aprendizagem das crianças do 
ciclo de alfabetização; para os processos de avaliação e acompanhamento da aprendizagem 
das crianças; para o planejamento e avaliação das situações didáticas; e para o conhecimento 
e o uso dos materiais distribuídos pelo Ministério da Educação voltados para a melhoria da 
qualidade do ensino no ciclo de alfabetização. 

A execução das ações de formação continuada de professores respalda-se na Política 
Nacional de Formação de Profissionais do Magistério da Educação Básica, instituída pelo 
Decreto nº 6.755, de 29 de janeiro de 2009. A formação continuada como política nacional é 
entendida como componente essencial da profissionalização docente, devendo integrar-se ao 
cotidiano da escola, e pautar-se no respeito e na valorização dos diferentes saberes e na 
experiência docente. Logo, a formação continuada se constitui no conjunto das atividades de
 formação desenvolvidas ao longo de toda a carreira docente, com vistas à melhoria da 
qualidade do ensino e ao aperfeiçoamento da prática docente. 

No âmbito do Pacto, a Formação Continuada de Professores Alfabetizadores desenvolve-se a 
partir de um processo de formação entre pares, em um curso presencial. Em 2013, os 
professores participaram de um curso com carga horária de 120 horas, objetivando, 
sobretudo, a articulação entre diferentes componentes curriculares, com ênfase em 
Linguagem. As estratégias formativas priorizadas contemplam atividades de estudo, 
planejamento e socialização da prática. Em 2014, a duração do curso será de 160 horas, 
objetivando aprofundamento e ampliação de temas tratados em 2013, contemplando também 
o foco na articulação entre diferentes componentes curriculares, mas com ênfase em 
Matemática. Essa formação será conduzida por orientadores de estudos, professores 
pertencentes ao quadro das redes de ensino, devidamente selecionados com base nos 
critérios estabelecidos pelo Ministério da Educação, que participam de um curso de 
formação de 200 horas, ministrado por formadores selecionados e preparados pelas 
Instituições de Ensino Superior/IES que integram o programa. Em suma, as IES selecionam 
e preparam seu grupo de formadores que, por sua vez, terão a responsabilidade de formar os 
orientadores de estudo, que conduzirão as atividades de formação junto aos professores 
alfabetizadores. 

Para o acompanhamento e monitoramento das ações de formação, o Ministério da Educação 
desenvolveu um módulo denominado de SISPACTO que integra o Sistema Integrado de 
Monitoramento, Execução e Controle (SIMEC). O SISPACTO pode ser acessado de 
qualquer computador conectado à rede mundial de computadores (Internet). Trata-se de 
importante ferramenta tecnológica, que proporciona agilidade e transparência aos processos 
de elaboração, análise e monitoramento das ações do Pacto. 

Em 2013 participaram do eixo de Formação Continuada de Professores Alfabetizadores: 53 
coordenadores estaduais, 5424 coordenadores municipais, 78 coordenadores no âmbito das 
IES, 170 supervisores (IES), 645 formadores (IES), 15.950 orientadores de estudos e 
317.462 professores alfabetizadores das redes estaduais e municipais de ensino. 

O processo de formação continuada é coordenado por 38 IES públicas, sendo 31 federais e 7 
estaduais. As formações de 2013 têm previsão de encerramento até o mês de março de 2014, 
mas na maioria dos Estados, o seminário de encerramento aconteceu em dezembro de 2013,  
totalizando 10 meses de aulas para os professores alfabetizadores.

Em face da continuidade das ações de formação continuada de professores alfabetizadores, faz-se 
necessário o conhecimento da dinâmica do Programa para a etapa de 2014, a ser implementada 
pelas instituições públicas participantes e pelos entes governamentais pactuados. 

1. Adesão dos Municípios que não participaram da etapa 2013: 

Os municípios que não aderiram ao Pacto no ano de 2013 poderão fazê-lo no período de 28 
de janeiro a 28 de fevereiro de 2014, via PAR/SIMEC. 

2. Confirmação dos Municípios que já estão no Pacto: 

Os municípios que participaram do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa no ano 
de 2013 e desejam continuar no Programa em 2014, não precisam formalizar sua intenção, 
pois serão automaticamente mantidos no mesmo. 

3. Da seleção dos Professores Alfabetizadores 

O MEC recomenda expressamente que o Professor Alfabetizador que tenha concluído a 
formação em Linguagem em 2013 permaneça atuando em turmas do Ciclo de Alfabetização 
em 2014 (turmas do 1º, 2º, 3º ano e multisseriadas/multietapa) e, se possível, continue 
participando do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa, na condição de bolsista 
ou não bolsista, visando assegurar a continuidade dos trabalhos durante os três primeiros 
anos do ensino fundamental.  

No caso dos Professores Alfabetizadores, a política pública visa estimular a consolidação do 
processo de aperfeiçoamento na prática pedagógica e a permanência desses profissionais no 
ciclo de alfabetização (sempre que possível, acompanhando os alunos do primeiro ao terceiro 
ano). No caso dos Orientadores de Estudos, o objetivo da política pública é induzir a “formação 
e constituição de uma rede de professores orientadores de estudo” (art. 7º, inciso II da Portaria 
nº 867, de 04/07/2012, que institui o Pacto), ou seja, profissionais especializados no tema que 
possam dar suporte permanente aos professores alfabetizadores, bem como estimular reflexões 
contínuas sobre as práticas pedagógicas, durante e após a implementação do programa. 

Para receber a bolsa de estudo do Pacto, o professor alfabetizador deve: 
- estar registrado no Censo Escolar de 2013; 
- estar, em 2014, no exercício da função docente em turmas do 1º, 2º, 3º ano do Ensino 
Fundamental e/ou nas classes multisseriadas/multietapa que possuem alunos desses anos. 

Nos municípios onde o número de vagas de bolsistas no Pacto 2014 (que utiliza dados do 
Censo Escolar 2013) for inferior à quantidade de professores alfabetizadores atuando no ciclo 
de alfabetização em 2014, sugerimos que os docentes ingressantes no ciclo de alfabetização 
participem do Pacto na condição de “não bolsistas”.

4. Atribuições 

No que se refere às atribuições de cada um dos participantes da Formação Continuada de 
Professores Alfabetizadores, recomenda-se a leitura atenta da Resolução CD/FNDE nº 4, de  
27 de fevereiro de 2013. Além destas orientações ressaltamos a seguir as principais 
características e atribuições dos diferentes atores do programa. 

Professor Alfabetizador – o ator principal no programa, o que assegurará que as crianças 
estejam alfabetizadas aos 8 anos de idade, isto é, que sejam capazes de interagir por meio de 
textos escritos em diferentes situações e propósitos, compreendendo o sistema alfabético de 
escrita. Devem ser capazes de ler e escrever, com autonomia, textos de circulação social que 
tratem de temáticas familiares ao aprendiz, nas diferentes áreas do conhecimento, considerando 
a língua materna e a capacidade de resolver problemas matemáticos elementares. Deve ter 75% 
de presença nos encontros presenciais. 

Orientador de Estudos – professor efetivo da rede responsável por formar grupos de estudo 
em sua rede realizando a formação continuada dos professores alfabetizadores. Deve ter 75% 
de presença nos encontros presenciais e cumprir as tarefas solicitadas pelos Formadores das 
IES. 

Coordenador Local – responsável por toda a logística da formação no município/estado, 
pelo cumprimento da carga horária entre os OEs e professores alfabetizadores, pelo 
acompanhamento da aplicação das Prova Brasil e ANA, pelo gerenciamento das senhas no 
SisPacto, pela interlocução entre o Município/Estado e a IES formadora e, por fim, pela 
articulação do aperfeiçoamento das ações pedagógicas no Município. 

5. Da suspensão temporária da bolsa de estudos 

O recebimento de bolsas será suspenso temporariamente quando o participante: 
- deixar de comprovar a execução de uma das atividades solicitadas pela IES ou no 
SisPacto. 
- afastar-se de suas atividades profissionais por qualquer tipo de licença, por mais de 
30 dias. 

Nestes casos a suspensão implica no não pagamento de determinada parcela, que não 
poderá ser reclamada posteriormente. O pagamento da bolsa será retomado no momento  
em que o participante, que não tenha causado prejuízo ao andamento do curso ou que tenha 
sido prejudicado pelo processo de formação, retornar as atividades descritas pelo programa. 

6. Do cancelamento da bolsa de estudos 

A bolsa de estudos deverá ser cancelada nos seguintes casos: 
- por abandono das atividades sem motivo justificado; 
- por afastar-se definitivamente do quadro funcional da Secretaria de Educação do 
- Município ou Estado; e 
- por deixar de cumprir qualquer um dos critérios para concessão de bolsas listados na 
Portaria nº1458 de 14 de Dezembro de 2012. 

7. Devolução de bolsas recebidas indevidamente 

O procedimento para a devolução de valores decorrentes de pagamento efetuado pelo FNDE a 
título de bolsas de estudo e pesquisa no âmbito da Formação Continuada de Professores 
Alfabetizadores consta da Resolução CD/FNDE nº 4, de 27 de fevereiro de 2013, disponível no 
sítio http://pacto.mec.gov.br/documentos-importantes. 

8. Da formação e do material 

Para a formação em Matemática, serão distribuídos a todos os professores alfabetizadores os 
doze cadernos de formação: 
 Caderno de Apresentação 
 Educação Matemática do Campo 
 Educação Inclusiva 
 Organização do Trabalho Pedagógico 
 Quantificação, Registros e Agrupamentos 
 Construção do Sistema de Numeração Decimal 
 Sistema de Numeração Decimal e Operação 
 Geometria 
 Grandezas e Medidas 
 Educação Estatística 
 Saberes Matemáticos e outros campos do saber  
 Jogos na Alfabetização Matemática (acompanha livro de Encarte) 

A formação será desenvolvida com base na prática do professor, de modo que as 
singularidades do trabalho pedagógico sejam objeto de reflexão. Trata-se, portanto, de um 
curso estruturado segundo abordagem teórico-reflexiva, organizado em 12 unidades, sendo 8 
unidades de formação, 1 unidade de apresentação, 2 unidades de referência e 1 Caderno de 
Jogos (acompanha livro de encarte). A abordagem dos conteúdos é em espiral, de modo que 
cada temática é retomada e aprofundada em unidades da formação posteriores. Em cada uma 
das unidades, há atividades permanentes como: a “leitura deleite” que propõe a leitura de 
textos literários com o intuito de evidenciar a importância desse tipo de atividade; as “tarefas 
de casa e escola” e a retomada do encontro anterior com a socialização das atividades 
realizadas de acordo com as propostas de trabalho em sala de aula planejadas; o 
planejamento de atividades a serem realizadas nas aulas seguintes ao encontro; e o estudo 
dirigido de textos, para o aprofundamento de saberes sobre conteúdos e estratégias didáticas. 
Além das atividades permanentes, há também o aprofundamento de temas por meio de 
diferentes estratégias formativas, como: socialização de memórias, vídeo em debate; análise 
de situações de sala de aula; análise de atividades de alunos, de relatos de rotinas, sequências 
didáticas, projetos didáticos e de planejamento de aula; análise de recursos didáticos; 
exposição dialogada; elaboração de instrumentos de avaliação e discussão de seus resultados 
e avaliação da formação. 
Para o aprofundamento e ampliação de estudos das temáticas iniciadas em 2013, as IES 
utilizarão os cadernos de formação distribuídos naquele ano e outros materiais produzidos e 
selecionados para o ano de 2014. 
Os novos materiais produzidos pelas Universidades serão publicados no site do Pacto para a 
socialização com as demais Universidades formadoras. 
Caberá a cada IES formadora a elaboração desses materiais, observados a concepção de 
formação subjacente à proposta desenvolvida em 2013 e os conteúdos e abordagens constantes 
dos cadernos da formação distribuídos pelo MEC em 2013. 
As IES deverão compartilhar essa produção com as demais, inserindo esse material no Portal do 
Pacto. Para cada conteúdo inserido pela IES, deverá ser preenchida uma ficha de identificação 
com orientações de utilização desse material pelos participantes da formação. As orientações de  
utilização devem conter o tipo de material (impresso, vídeo, animação etc.) e o conteúdo (tema, 
componente curricular, o objetivo desse material e instruções para sua utilização). 







segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Importante

Importante!
1. O não preenchimento pelo Professor Alfabetizador das abas do SisPacto “Dados das Turmas” e
“Materiais”, além da não criação do Cantinho de Leitura em sua sala de alfabetização caso já tenha
recebido o material do Programa Nacional Biblioteca na Escola (PNBE), implicará o bloqueio de sua bolsa do mês de novembro. Somente após o preenchimento dessas duas abas, o fluxo de pagamento de
bolsas será regularizado.
2. Na aba “Dados das Turmas”, foram incluídos os campos “Abaixo de 6 anos” e “Acima de 11 anos”.

A ZEBRINHA OCUPADA

sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Seminário Municipal PNAIC 2013

Alfabetizar todas as crianças brasileiras até os 8 anos de idade ao fim do 3º ano do Ensino Fundamental é  a principal meta do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa, lançado pelo Ministério da Educação (MEC).

No município de Fraiburgo estiveram envolvidos  1 Coordenadora, 3 Orientadoras de Estudo, 56 Professoras Alfabetizadoras , 13 Escolas Municipais e cerca de 1550 alunos.



























 não é o pacto pela alfabetização na idade certa que irá solucionar todos os problemas enfrentados nas escolas, mas o comprometimento de toda equipe é o que determina as metas a serem alcançadas.



















O Programa de Formação do Pacto Pela Alfabetização na idade Certa trouxe diversas reflexões, entre elas a importância das atividades lúdicas em sala de aula.